PATOLOGIA LÂMINA 05 - NECROSE ENZIMÁTICA - TECIDO PERIPANCREÁTICO

Diagnóstico: processo inflamatório agudo com necrose enzimática (provável pancreatite).
Macroscopia: intumescimento do órgão com esteatonecrose focal que se evidencia por pontilhado amarelo, constituindo as manchas em pingos de vela.
Microscopia: tecido gorduroso referido como peripancreático que exibe acentuadas alterações de natureza inflamatória na presença de extensas áreas de necrose gordurosa enzimática (esteatonecrose) onde as células adiposas mostram-se finamente granulares.
OBS: autodigestão do parênquima pancreático é o mecanismo mais aceito para explicar o processo.





Manifestações clínicas: dor abdominal é a principal, acompanhada por náuseas e vômitos.
Gordura + sais alcalinos = saponificação, que justifica a aparição das manchas.

Publicado por Ana Carolina Dada

Autora do Blog Biomedicina Online e estudante de Biomedicina da FURB-SC .
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário