PATOLOGIA LÂMINA 04 - INFARTO TRANSMURAL - INTESTINO GROSSO

Macroscopia: o órgão infartado se faz intensamente congesto e escuro ou vermelho vinhoso. A parede fica edemaciada, espessa, elástica e hemorrágica.
Microscopia: o corte mostra fragmentos de intestino grosso apresentando difuso edema, ectasia e congestão vascular em todos os níveis histológicos. Presença de zonas de total destruição da parede por conta de necrose transmural do tipo coagulativa (isquêmica), onde podemos identificar infiltração sanguínea do órgão (dupla circulação) e infiltrado inflamatório misto. (presença do arcabouço)


Manifestações clínicas: dor abdominal grave e hipersensibilidade dolorosa surgem subitamente no início do infarto transmural, podendo estar acompanhado de náuseas, vômitos e diarreia sanguinolenta ou fezes macroscopicamente escuras.
Existem 2 tipos de infartos: brancos ou hemorrágicos (que é o dessa patologia)
Etiologia: obstrução da mesentérica superior por êmbolos

Publicado por Ana Carolina Dada

Autora do Blog Biomedicina Online e estudante de Biomedicina da FURB-SC .
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários :